A favor dos que hão de herdar a salvação (Anjos – Parte 3)

Mike Parsons
com Jeremy Westcott

‘Angels’, uma pasta Pinterest de FreedomARC

Ainda, quanto aos anjos, diz: Aquele que a seus anjos faz ventos, e a seus ministros, labareda de fogo (Heb 1:7 RA).

Não são todos eles espíritos ministradores, enviados para serviço a favor dos que hão de herdar a salvação? (Heb 1:14 RA).

Nos posts anteriores, vimos que os anjos são mensageiros, guardiões e protetores. Eles são servos de Deus e nossos também. Eles fazem o cortejo celestial, adorando ao redor do trono, e o exército de anjos, que é o exército de Deus entra em guerra na terra e nos céus. E eles trabalham em nosso favor.

Aqui estão algumas funções dos anjos:

Cuidar e interagir com as igrejas

as sete estrelas são os anjos das sete igrejas ( Ap 1:20)

O anjo de nossa igreja (Freedom Church), Urandiel, tem mais de 15 metros de altura, com o rosto de uma águia e um leão. Frequentemente interagimos também com outros quatro anjos chamados Som de Muitas Águas, Ventos de Mudança, Transformação e Fogo que Refina, além desses interagimos também com o anjo do romper, e com o anjo do tanque de cura.

Os casos das nações

Mas o príncipe do reino da Pérsia me resistiu por vinte e um dias; porém Miguel, um dos primeiros príncipes, veio para ajudar-me, e eu obtive vitória sobre os reis da Pérsia. (Dan 10:13).

Espíritos territoriais e governadores – tanto de Deus quanto das trevas – operam na atmosfera da terra.

O sistema judicial do céu

Os anjos tem um papel nas cortes do céu, na guerra e nas salas de estratégia.

Micaías continuou: — Agora escute o que o SENHOR Deus está dizendo! Eu vi o SENHOR sentado no seu trono no céu, com todos os seus anjos à sua direita e à sua esquerda. Ele perguntou: “Quem enganará Acabe para que ele vá a Ramote e seja morto lá?” Alguns anjos disseram uma coisa, e outros disseram outra, até que um espírito se apresentou e disse: “Eu enganarei Acabe.” (1 Kings 22:19-20).

Um rio de fogo manava e saía de diante dele; milhares de milhares o serviam, e miríades de miríades estavam diante dele; assentou-se o tribunal, e se abriram os livros (Dan 7:10).

Transformando e removendo pedras de tropeço

Aí um dos serafins voou para mim, segurando com uma tenaz uma brasa que havia tirado do altar. Ele tocou a minha boca com a brasa e disse: — Agora que esta brasa tocou os seus lábios, as suas culpas estão tiradas, e os seus pecados estão perdoados. (Isa 6:6-7).

O Filho do homem enviará os seus anjos, e eles ajuntarão do seu reino tudo o que serve de pedra de tropeço e os que praticam a iniquidade (Mat 13:41).

‘Praticar iniquidade’ é fazer as coisas do seu jeito, ou sem autorização. Então, cuidado! Anjos estão vindo remover essas pessoas, e Jesus não disse que é do mundo, mas sim do Seu reino.

Transferência depois da morte

Coisas diferentes acontecem com os dois homens dessa que Jesus contou:

O pobre morreu e foi levado pelos anjos para junto de Abraão, na festa do céu. O rico também morreu e foi sepultado. (Lucas 16:22)

Todos os anjos irão retornar com Jesus

Jesus terminou, dizendo: — Quando o Filho do Homem vier como Rei, com todos os anjos, ele se sentará no seu trono real. (Mat 25:31)

Colheita de almas

…A colheita é o fim dos tempos, e os que fazem a colheita são os anjos… No fim dos tempos também será assim: os anjos sairão, e separarão as pessoas más das boas (Mat13:39, 49).

O texto original grego diz que os anjos tirarão as pessoas más do meio dos justos. Podemos ver que o que Jesus falou é diferente do arrebatamento que muitos cristãos estão esperando!

Ministração

No período do Novo Testamento, anjos ministraram a Jesus (Mat 4:11, Lucas 22:43), rolaram a pedra do sepulcro (Mat 28:2), resgataram discípulos da prisão (Atos 5:19, 12:7-9), conduziram pecadores até os pregadores do evangelho (Atos 10:3), direcionaram pessoas de Deus aonde deveriam ir (Atos 8:26), e o que fazer (Atos 12:8). Há muitas outras referências a anjos no Novo Testamento, e eles estão prontos para ser instrumentos no nosso ministério hoje.

Formar uma cobertura de anjos

“Tu fizeste com que essas pessoas fossem um reino de sacerdotes que servem ao nosso Deus; e elas governarão o mundo inteiro.” Olhei outra vez e ouvi muitos anjos, milhões e milhões deles! Estavam de pé em volta do trono, dos quatro seres vivos e dos líderes (Ap 5:10-11).

Há uma cobertura de anjos sobre o trono de Deus que está envolvida em nossa missão de trazer o reino de Deus para terra:

cobertura-angelical-version-2
Este diagrama ‘Cobertura Angelical’ é baseado em um diagrama de Ian Clayton www.sonofthunder.org

De acordo com Ap 5:11 pode haver cerca de 100 milhões de anjos nessa cobertura.

Onde estavas tu, quando eu lançava os fundamentos da terra? Dize-mo, se tens entendimento…  quando as estrelas da alva, juntas, alegremente cantavam, e rejubilavam todos os filhos de Deus? (Jó 38:4, 7).

Os anjos bradaram de alegria quando eles viram o que Deus havia feito na criação, e eles nos reconhecerão quando entrarmos no nosso destino eterno. Eles administram o reino ao redor de nossas vidas, liberando provisão e proteção para nós.

Quando nos rendemos a Jesus como Senhor, e nossa vida pode ser vista como uma casa de oração, nós criamos uma atmosfera da presença de Deus ao nosso redor, sendo assim aquela mesma cobertura angelical desce sobre nós.

Damos boas vindas aos anjos

Tudo o que os anjos fizeram pelos patriarcas, pelos profetas, reis, por Jesus ou pelos discípulos, eles podem fazer por nós. Eles podem nos alimentar, fortalecer, proteger, nos enviar, nos direcionar, formar uma cobertura sobre nós, subir e descer sobre nossas vidas.

Os anjos podem se manifestar na nossa dimensão natural, sendo assim algumas vezes podemos vê-los ou escutá-los com nossos sentidos naturais. A voz dos anjos pode ser escutada internamente pelo espírito humano ou entrar na mente humana como um pensamento.  Anjos podem ser vistos e ouvidos em sonhos, enquanto dormimos, ou em uma visão espiritual (aberta ou fechada).

Os anjos são atraídos pelos reflexos da glória de Deus. Quanto mais parecermos com o Senhor, mais anjos serão atraídos para nós. Cada vez que Deus é manifesto em nossas vista, e não apenas em nossas reuniões, anjos são atraídos pelas atitudes e atmosfera ao nosso redor, e pelas cores, fragrâncias e frequências sonoras que liberamos. Eles ficam ao redor do nosso louvor. Cores, movimentos e bandeiras podem abrir portais para eles se manifestarem. Atos proféticos e declarações ativam a ação angelical. Anjos podem sentir a fé, o amor, a alegria, a paz, e os outros frutos do Espírito.

Nós não vamos nos curvar diante de tradições religiosas que procuram negar o envolvimento de anjos nas nossas vidas. Jesus não tinha nenhum problema com eles, e muito menos a igreja primitiva. Então, por que nós deveríamos ter? Nós damos boas vindas a eles. Pela fé buscaremos um relacionamento com nossos anjos: teremos contato com eles, falaremos com eles e ouviremos o que eles têm a dizer. Descobriremos quem eles são, seus nomes, funções e mandatos. Cooperaremos e trabalharemos junto com eles.

Nós podemos ver anjos, falar com anjos, e receber direção e ministração deles. Podemos ter anjos ministrando junto conosco. Anjos respondem as nossas palavras e orações. Podemos cooperar com missões angelicais, e ter anjos cooperando com nossas atribuições.

Nós não adoramos anjos, mas eles estão envolvidos na nossa adoração. Não oramos a anjos, mas eles estão envolvidos em nossas orações. Não comandamos anjos de forma imatura de acordo com nossa vontade, mas podemos liberar anjos como filhos de Deus maduros.

Na dimensão do espírito não existe somente anjos, há outros seres. Nós podemos interagir com eles também:

Os sete espíritos de Deus

Imediatamente, eu me achei em espírito, e eis armado no céu um trono, e, no trono, alguém sentado; e esse que se acha assentado é semelhante, no aspecto, a pedra de jaspe e de sardônio, e, ao redor do trono, há um arco-íris semelhante, no aspecto, a esmeralda. Ao redor do trono, há também vinte e quatro tronos, e assentados neles, vinte e quatro anciãos vestidos de branco, em cujas cabeças estão coroas de ouro. Do trono saem relâmpagos, vozes e trovões, e, diante do trono, ardem sete tochas de fogo, que são os sete Espíritos de Deus. (Ap 4:2-5)

Veja também Isa 11:2; Ap 1:4; Ap 4:5; Ap 5:6

Os sete espíritos de Deus são tutores para nos ensinar e nos treinar na revelação de Deus. Eles são o espírito do Senhor, o espírito de sabedoria e de entendimento, o espírito de conselho e de fortaleza, o espírito de conhecimento e de temor do Senhor.

Eles são seres criados, com os quais podemos nos encontrar, conversar e interagir nas dimensões do céu. Na dimensão terrena eles podem se manifestar como cores ou tonalidades.

A nuvem de testemunhas

Assim nós temos essa grande multidão de testemunhas ao nosso redor… (Heb 12:1).

Nós podemos interagir com a nuvem de testemunhas no espírito. Elas nos rodeam. Eles são precursores do período do Antigo e do Novo testamento, e até dos dias de hoje. Eles querem passar os seus bastões e seus mantos para a geração que verá o cumprimento das promessas que eles receberam.

Essas testemunhas também são conhecidas como ‘homens vestidos de branco’, e você pode encontrá-los em toda Bíblia, por exemplo: Gen 18:1-3, Ez 10:2-3,7, Dan 12:4-13, Zac 1:10, Mat 17:3, Mat 27:52, Marcos 16:5, Lucas 24:4, e Atos 1:9-10.

Conheça seus anjos

Pai, eu oro para que o Senhor abra os nossos olhos
Para que possamos ver o que está acontecendo na dimensão espiritual que nos cerca
Para sermos capazes de interagir com os anjos que o Senhor enviou para nossas vidas
A fim de que possamos cooperar com eles, e eles conosco.

Acredito que o Senhor que apresentar esses anjos para você.

Agora mesmo, eles estão atrás de você, do seu lado direito e do seu lado esquerdo. Não vire para trás e olhe com seus olhos naturais, mas abra seu espírito para sentir a presença deles, e comece a interagir com eles. Pergunte o nome deles, se você não os conhece ainda.

Quando você ativar esse relacionamento, eles poderão te ajudar muito mais. E então você será capaz de cumprir o seu destino com mais eficácia, trazendo o reino de Deus dos céus para terra, e trazendo mais glória ao Senhor.

Outros artigos de Freedom ARC
Artigo original (em Inglês)
Outros artigos (em Inglês)

 

Anúncios

Autor: Freedom ARC

Freedom Apostolic Resource Centre, Barnstaple, UK.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s